segunda-feira, 27 de março de 2017

DIÁRIO REVELA: KENNEDY ACHAVA QUE HiITLER SOBREVIVEU À II GUERRA MUNDIAL

À medida que o centenário do nascimento do presidente John F. Kennedy se aproxima, o seu diário pessoal de 61 páginas está prestes a ser leiloado.

Uma passagem chocante revela que Kennedy acreditou que Adolf Hitler poderia ter sobrevivido após a Segunda Guerra Mundial terminou.






O diário foi escrito numa época em que Kennedy trabalhava como correspondente de guerra para as revistas Hearst. mais tarde ele deu o livro a Deidre Henderson, que era um dos seus assistentes de pesquisa. Acredita-se ser o único diário do ex-presidente ainda em existência.


No próximo 26 de abril, o dia em que ele completaria seu centésimo aniversário, o diário irá a leilão. O RR de Boston, que está a organizar a venda, espera conseguir US$ 200.000 pelo livro.


Depois de visitar o bunker onde Hitler supostamente cometeu suicídio, Kennedy estava cético:


"A sala onde Hitler deveria ter encontrado a sua morte mostrou paredes chamuscadas e vestígios de fogo", escreveu ele. "No entanto não há evidências que o corpo encontrado era o de Hitler."


Sem comentários:

Enviar um comentário